ff

Blog do Sarico - (54) 8135 1778 - fabiocrestani11@gmail.com
quarta-feira, 12 de janeiro de 2011
Os cedros do Hospital

A última edição do jornal Integração das Cidades traz matéria sobre os cedros existentes ao lado do Hospital Roque Gonzalez, que estão causando problema em razão do seu porte e do tamanho dos seus galhos, que ameaçam pessoas e veículos, sem falar das raízes que levantaram a calçada. Pois, esse problema não é novo. Já escrevi muito sobre ele quando trabalhava no semanário. Eu mesmo vi, da porta da redação, galhos de porte considerável caindo sobre carros e pessoas em dias de chuva e de vento. Felizmente tudo não passou de susto, a não ser uma vez que um galho caiu sobre uma caminhonete com placas de Ibirubá, que se encontrava estacionada em frente ao Raio X. A marca deixada no capô foi considerável, principalmente pelo veículo ser zerinho.

Pela matéria do jornal ouve um desencontro de informações entre o Hospital e a Prefeitura. Não quero aqui saber de quem seria a responsabilidade de poda, da substituição das árvores ou de qualquer outra coisa. O certo é que, aqueles cedros não são para a cidade. Pelo seu porte são árvores de mato, mas que foram plantadas há muitos anos quando não havia uma consciência ecológica e estudos ambientais como hoje. Para ficar bom acho que o Hospital deveria, constantemente verificá-las evitando que galhos secos ou quebrados caiam sobre as pessoas e os carros.

O bom seria trocar aquelas árvores por outras, já que se cortou grande quantidade na cidade, e cortar mais umas 10 não faria nenhuma diferença, Mas ai entra a questão da sombra para os quartos do Hospital, para o repouso dos internados. O certo mesmo é a poda e o controle dos galhos.


Em tempo. Quando um galho de bom porte cair sobre a cabeça de alguém ou sobre um automóvel, quem irá se responsabilizar?
As fotos são do jornal Integração das Cidades.

Postado por Sarico as 08:56 e tem 23 comentarios
23 Comments:
Anonymous Anônimo disse...

Também seria bom lembrar que árvores são seres vivos, e não objetos descartáveis, que só são mantidos enquanto têm plena serventia. Assim como não se tolera matança de animais, não se deveria tolerar a matança de árvores e outras plantas.

12 de janeiro de 2011 09:07  
Anonymous Anônimo disse...

Sarico seria bom lembrar que essas árvores foram plantadas na administraçõa do Ireneu, não lembro o ano e quem trabalhava no setor do meio ambiente era a Délcia Maldaner que hoje trabalha na Prefeitura. Eu acho que ela não entende nada de plantio de árvores, são árvores muito grande para plantar na cidade.

12 de janeiro de 2011 09:16  
Anonymous Anônimo disse...

Quanto às responsabilidades por acidentes com árvores em passeios, apresenta uma contradição que deve ser questionada: ao plantar uma árvore em passeio, o proprietário já não é mais o responsável por ela e, sim, de responsabilidade da prefeitura. Só para citar: quando da poda, o proprietário não a pode fazer, mas a prefeitura se reserva esse dever e direito. E agora, o hospital é o responsável pelo acidente?

12 de janeiro de 2011 09:17  
Anonymous Anônimo disse...

Sarico, o comentário das 09:17 está corretíssimo. Se a Prefeitura não deixa podar as árvores e em certos casos multa os cidadãos, então a responsabilidade é dela. Assim, que for vitima de uma árvore que cobre dela. É isso.

12 de janeiro de 2011 09:27  
Anonymous Anônimo disse...

Chamem os "home" da motosserra, ele devem tar delirando com o acontecido.Qto. a Delcia, sem comentários em relação a sua atuação na PM, tá completamente perdida.

12 de janeiro de 2011 10:15  
Anonymous Anônimo disse...

Sarico, porque tu não posta os comentários mais incisivos? Estás amarrado com o pessoal da Prefeitura? Assim perderás a credibilidade que ainda tens. Tem gente ai na cidade que perdeu a sua. E depois que se perde a credibilidade...

12 de janeiro de 2011 10:34  
Blogger Sarico disse...

Para o amigo(a) das 10:34:
Já escrevi aqui que ataques pessoais e denuncias vazias não serão postadas. Fazendo isso estarei preservando todos nós. E gato escaldado tem medo de água fria.

12 de janeiro de 2011 10:36  
Anonymous Anônimo disse...

Eu que não estaciono mais ali. Não tinha me dado conta do perigo, mas em tempos de chuvarada e vento.... to fora!

12 de janeiro de 2011 10:43  
Anonymous Anônimo disse...

Li no outro blog que em Erexim não plantam árvores nas ruas porque elas sujam a cidade (Como é que é?). E aqui fazem barbaridades com elas, tanto no corte como na reposição (qual?). Tanto lá como aqui ninguém entende porra nenhuma de meio ambiente.

12 de janeiro de 2011 11:24  
Anonymous Anônimo disse...

por que não plantan arvores com tronco de borracha com os galhos de plastico

12 de janeiro de 2011 12:36  
Anonymous Anônimo disse...

Ate poucos dias atras ,saiu no jornal materias criticando as podas .Agora querem as motoserras de volta , não entendi.

12 de janeiro de 2011 13:08  
Anonymous Anônimo disse...

Essa madrugada novamente fomos castigados pelo fedor de CURTUME . O cheiro terminou por volta das 06:00 da manha . Alô autoridades do meio ambiente vão dar uma olhada nisso. Queremos ar puro para respirar a noite, só isso mais nada, ou não se fala mais em Preservar o Meio Ambiente em nem um sentido em Tapera. Para todos ou para ninguém, não acham?

12 de janeiro de 2011 13:40  
Anonymous Anônimo disse...

Sarico como é que o meio ambiente vai bem em tapera, um funcionário é veterinário e a outra é advogada.Fuiiiiiii

12 de janeiro de 2011 14:08  
Anonymous Anônimo disse...

Em Tapera, temos muito que caminhar em termos de meio ambiente.

12 de janeiro de 2011 14:18  
Anonymous Anônimo disse...

Aqui em Tapera temos que ter cuidado onde estacionar. É preferível o sol a ter um vidro quebrado ou a lataria amassada em razão de um galho. Em Tapera precisamos estar atentos ao alto. Pode uma coisa dessas?

12 de janeiro de 2011 18:32  
Anonymous Anônimo disse...

O MEIO AMBIENTE EM TAPERA NAO EXISTE.

12 de janeiro de 2011 22:58  
Anonymous Anônimo disse...

aos que tanto criticam o mEIO AMBIENTE EM TAPERA, SERÁ QUE JÁ FIZERAM A SUA PARTE? OU SERÁ QUE O MEIO AMBIENTE SÕ VALE NA CASA DO VIZINHO?

13 de janeiro de 2011 18:41  
Anonymous Anônimo disse...

O exemplo deve vir de cima. SEMPRE!

13 de janeiro de 2011 20:36  
Anonymous Anônimo disse...

Interessante, as pessoas que criticam tanto o meio ambiente deveraim ter no mínimo a capacidade de se identificar, para construir junto com aquelas pessoas citadas uma discussão saudável sobre meio ambiente, só assim terão como ver quem entende do que.

14 de janeiro de 2011 07:35  
Anonymous Anônimo disse...

Para o das 07:35:
Por que se identificar? Precisamos discutir a causa e não a conseqüência. E não vamos transferir responsabilidades.

14 de janeiro de 2011 08:14  
Anonymous Anônimo disse...

Tem de haver o debate. Queremos uma cidade bastante arborizada e bonita sim, mas é preciso plantar espécies adequadas e suprimir as que oferecem risco ao cidadão. Depois que acontece não adianta chorar.

É preciso transigir mais. Por que tudo sempre tem de ser "os fulanos" contra "os beltranos"?

14 de janeiro de 2011 15:27  
Anonymous Anônimo disse...

15:27
É bem isso ai cara. DEBATE! Vamos ouvir a opinião da nossa gente. Aliás isso ai deveria haver sempre. Em tudo. E diga para o pessoal lá do alto o que é TRANSIGIR que periga ele não saber.

14 de janeiro de 2011 15:54  
Anonymous Anônimo disse...

para o anonimo que afirmou que o exemplo deve vir sempre de cima, cuidado, no Rio de Janeiro ele veio de cima, e as consequências não foram boas. Para os que afirmam que deve haver discussão, a discussão sobre meio ambiente deve ocorrer aonde, na farmácia? na bodega? no blog? onde estão os entidos de meio ambiente que não aparecem, que não boatam a cara para bater? falar por falar, é fácil, quero ver apresentar soluções.

14 de janeiro de 2011 18:47  

Postar um comentário

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos

 
Google
 

?timos Posts

América 2011
Inter
Dieese quer salário mínimo de R$ 2.253,20
Datas
Participação dos Estados na produção de veículos: ...
Ronaldinho Carioca
Terno de Reis de Tapera
Abusando da sorte
Notícias de Florianópolis
Cadê os Professores?

Arquivos

Agosto 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011 Março 2011 Abril 2011 Maio 2011 Junho 2011 Julho 2011 Agosto 2011 Setembro 2011 Outubro 2011 Novembro 2011 Dezembro 2011 Janeiro 2012 Fevereiro 2012 Março 2012 Abril 2012

 

 

 

WM INTERNET