ff

Blog do Sarico - (54) 8135 1778 - fabiocrestani11@gmail.com
domingo, 6 de fevereiro de 2011
Irresponsabilidade ao volante

Neste domingo (06), às 11h53min, quando tomava um chimarrão com minha gente, passou um Corsa preto pela Avenida Dionísio Lothário Chassot, na contramão, escapando dos redutores de velocidade. A cena já virou rotina na mais bonita via de Tapera.

Uma hora dessas alguém vai se “enroscar” feio naquele cruzamento. Haverá um acidente ali e alguém vai se dar muito mal financeiramente, tendo de arcar com as despesas de conserto de dois veículos, ou fisicamente, com lesão grave ou ainda coisa pior. O pessoal abusa. Pede.

Quem faz essas bobagens, essas ações irresponsáveis, não tem noção do perigo ao colocar a sua vida e a de outros em jogo, como uma roleta russa. Quem trafega na contramão pela Dionísio não lembra que, quem vem da Rua Almirante Barroso e dobra à direita, em direção ao Clube Aliança, olha apenas para a esquerda. E quando faz isso, nem pára. Dá aquela “beliscada” no freio e, vendo que não vem ninguém, acelera. E vai ser justamente neste momento que vai acontecer uma grande m.... ali. É questão de tempo para acontecer o primeiro.

Já vi cenas do arco na Dionísio, assim como em muitos lugares na cidade. Arrepio-me quando vejo uma barbeiragem e me envergonho quando vejo maus motoristas se portando de forma errada no trânsito. A polícia nada pode fazer porque não existe efetivo para estar em toda a cidade, assim cabe tão somente à consciência dos motoristas para fazer a coisa certa quando ao volante.

E você, como tem se portado ao volante?

MAU EXEMPLO – Aqui é costumeiro ver carros em alta velocidade e ultrapassando pela direita. Também desrespeito à preferencial, à faixa de segurança e ao pedestre, assim como é normal ver motoristas estacionando sobre a faixa de segurança e na frente de passagens dos cadeirantes. Tem muito mais. Tá mal a coisa, gente!

Postado por Sarico as 13:53 e tem 12 comentarios
12 Comments:
Anonymous Anônimo disse...

Sarico, aproveitando vosso comentário sobre irresponsabilidade ao volante, chamo atenção também ao asfalto feito na Rua Rui Barbosa. Claro que quando o motorista corre muito, como é o que está ocorrendo naquela rua, é taxado de irresponsável caso ocorra alguma fatalidade. Mas, e as autoridades, que colocaram "pardais" em diversos outros pontos de utilidade duvidosa em nossa cidade e, até agora, esqueceram de colocar ali? São chamados de que quando ocorrer algum acidente? De pessoas que não fizeram nada pois não tinham verbas? Muita atenção, autoridades e demais responsáveis, pois pela velocidade que estão utilizando naquela rua, logo, logo, se dará uma tragédia. É o que se chama de "tragédia anunciada".

6 de fevereiro de 2011 16:57  
Anonymous Anônimo disse...

Tem placas indicativas de limites de velocidade em toda cidade, quem desobedece e provoca acidente é o responsavel, e vai arcar com as conseguencias, até com as multas. Não tem tbm como querer encher a cidade de controladores, vem um visitante e sai com várias multas, a ponto de não querer mais retornar, como esta acontecendo em outras cidades, o negócio é respeitar a velicidade conforme indicam as placas de sinalização. E quem desrespeitar multa neles, ai aprende.. atenção Brigada Militar...

6 de fevereiro de 2011 19:02  
Anonymous Anônimo disse...

Com certeza a primeira coisa avaliada é a educação no transito gente, motorista educado e que esteja preocupado com o proximo busca excercer a lei de transito, moro na Tiradentes e vejo pessoas que deveriam dar exemplo passando com seus carrões a muito mais de 40 km p/ hora, gente, aqui temos muitas crianças, vamos respeitar a vida do proximo, se vc não tem amor a sua vida, mas respeite a do proximo, e fim!

6 de fevereiro de 2011 19:44  
Anonymous Anônimo disse...

Realmente existem as placas. Mas como multar sem o controlador? Ou equipamento que registre a velocidade? Ou sem Brigada Militar para fazer? Será que somente placas adiantam? Quando começa a doer no bolso, as coisas funcionam...

6 de fevereiro de 2011 20:54  
Anonymous Anônimo disse...

VAMOS COLOCAR QUEBRA MOLA , E PRONTO , SIMPLES E CUSTO BAIXO , O POVO NUNCA VAI RESPEITAR, PLACAS, NÃO SE ILUDEM, ATÉ QUE ALGUEM SEJA ATROPELADO, OU PIOR
A PREFEITURA NÃO TEM VERBA NEM PARCERIA COM OS CONTROLADORES DE VELOCIDADE , PARTE URGENTE PARA LOMBADAS!

7 de fevereiro de 2011 10:39  
Anonymous Anônimo disse...

Também quero tecer um comentário sobre a rua Rui Barbosa na esquina da marechal Floriano,com muito movimento por causa do Supermercado,a velocidade dos carros ali é um absurdo,sem contar que quem sai do estacionamento obliquo do mercado e quer entrar na Rui Barbosa,passa por um tormento,os carros estacionados perto das esquinas não dão visibilidade para passar ,vai-se na sorte.Meu medo é que uma hora dessas aconteceré um acidente feio ali...porque não colocar um pardalzinho ali???E não me venham com os "cocorruchos"não adianta nada...viram na Dionísio?eles desviam e dos pardais não dá p/desviar....

7 de fevereiro de 2011 13:37  
Anonymous Anônimo disse...

na verdade os pardais podem ser desviados sim...de moto e possivel desviar eles passsando bem pela direita....

7 de fevereiro de 2011 18:18  
Anonymous Anônimo disse...

O gente que só pensa em pardais, se soubesem quanto custa um e tivesem que pagar dúvido que iriam pedir. Cada motorista que assuma sua responsabilidade como tal. Ja viu se em cidade grande para cada solicitação absurda destas fosse colocar pardal, teria que ter centenas de fabricantes de equipamentos e a receita certamente não daria para pagar a todos. Quem é motorista que se assuma.

7 de fevereiro de 2011 18:50  
Anonymous Anônimo disse...

Ei, 18:50, vejo muito egoísmo da sua parte e uma pitada de rancor lá no fundo. Não é assim que a coisa funciona. A questão toda gira em torno da EDUCAÇÃO. É só isso que falta à maioria de nossa gente e cabe a quem educar o povo? E não é o próprio povo.

7 de fevereiro de 2011 19:24  
Anonymous Anônimo disse...

Tanto comentário...
O fato é que mais dia menos dia, algum acidente vai acontecer e daí vão "chorar sobre o leite (ou corpo) derramado". Aí é tarde. Se for pardal que seja, se for lombada, que façam, se for fiscalização, que atuem, mas FAÇAM ALGO, pelo amor de Deus!!!

7 de fevereiro de 2011 20:55  
Anonymous Anônimo disse...

Parece que a cidade cultura não tem policiamento nenhum. Uma terra sem Lei.

8 de fevereiro de 2011 09:47  
Anonymous Anônimo disse...

Já que o assunto é transito, faz bem a todos as faixas de segurança para pedestres serem pintadas na cidade, para que se possa enxergar... e, além disso, os motoristas respeitarem o pedestre nessas faixas.

8 de fevereiro de 2011 23:38  

Postar um comentário

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos

 
Google
 

?timos Posts

Diferenças entre estrelas
Doação de órgãos
Mensalão
Dúvida
Uma reclamação de um cliente pode levar a uma desc...
América 2011
Problemas no SINTAP
Série Prata 2011 terá 17 equipes
PARAGUAI: Agro Show Copronar 2011
LIXO: bons e maus exemplos

Arquivos

Agosto 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011 Março 2011 Abril 2011 Maio 2011 Junho 2011 Julho 2011 Agosto 2011 Setembro 2011 Outubro 2011 Novembro 2011 Dezembro 2011 Janeiro 2012 Fevereiro 2012 Março 2012 Abril 2012

 

 

 

WM INTERNET