ff

Blog do Sarico - (54) 8135 1778 - fabiocrestani11@gmail.com
quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011
Lançamento da Expodireto 2011

Na segunda-feira (14) estive em Porto Alegre, na condição de assessor de imprensa da AMAJA (Associação dos Municípios do Alto Jacuí), para participar da assembléia geral que a entidade realizou. A mesma aconteceu na sede da FAMURS (Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul), às 09h30min. Após, o grupo de prefeitos, vice-prefeitos e secretários e diretores municipais presentes, rumaram para o Hotel Deville, onde aconteceria, às 12h, o lançamento da 12ª Expodireto Cotrijal, que serealizará mês que vem, em Não Me Toque. A solenidade contou com a presença do governador Tarso Genro, do presidente da Assembléia Legislativa, deputado Adão Villlaverde, de políticos federais, estaduais e municipais; dirigentes de entidades e de empresas ligadas ao agronegócio e da imprensa estadual. Entre as autoridades presentes, dois taperenses: Ireneu Orth, prefeito de Tapera e empresário do ramo industrial e agrícola, com negócios no Rio Grande do Sul e na Bahia, e Vitor Bento Marasca, proprietário da Marasca Cereais, empresa com quase 30 unidades espalhadas pelo Rio Grande do Sul.

Em seu discurso, o presidente da Cotrijal, o taperense Nei César Mânica, desafiou o governador Tarso Genro a trazer a presidente Dilma Rousseff a Não Me Toque durante a Expodireto 2011. “Nenhum governador conseguiu trazer o presidente da República para a Expodireto. Será que seria o senhor o primeiro a consegui-lo, governador?”, disparou.

Após o lançamento, a Cotrijal ofereceu um almoço a seus convidados, no local. E depois, às 15h, aconteceu no hotel a gravação do programa Pampa Boa Noite, da TV Pampa Porto Alegre, apresentado pelo jornalista Paulo Sérgio Pinto. Nesta edição o convidado era o deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB – SP), relator do projeto de reformulação do Código Florestal Brasileiro, que estava no Estado para participar de um encontro regional em Tupanciretã, pela manhã. Junto com ele estavam a senadora Ana Amélia Lemos e os deputados federais Luiz Carlos Heinze, Jerônimo Göergen e Darcísio Perondi. Na oportunidade Aldo Rebelo falou do seu trabalho, da sua luta para aprovar seu parecer e a questão toda no País. Ele mostrou, em primeiríssima mão, a cópia do seu parecer pronto, na forma de um livro.

Depois aconteceu uma perambulação pelo Palácio Piratini, para falar com secretários e secretários adjuntos do Turismo, do Gabinete dos Prefeitos e da Segurança Pública. Nesta última a região tratou sobre o projeto de implantação do sistema de videomonitoramento no Alto Jacuí.

Falando em videomonitoramento, um estudo preliminar aponta que a região deseja entre 120 e 140 câmeras. O custo deste ficará em R$ 3 milhões, sendo que a idéia é dividi-lo entre os governos federal, estadual e municipais e empresas. O projeto beneficiará uma população de 300 mil habitantes.

Postado por Sarico as 11:22 e tem 8 comentarios
8 Comments:
Anonymous Anônimo disse...

nao sei como demoram tanto tempo para fazer um novo Código Florestal Brasileiro e ainda conseguem redigir uma lei pior que a original. Com ela permite-se agora fazer construcoes em despenhadeiros mais altos e mais proximos da beira do rio, incrível!! Ja nao ha tragedia suficiente...
Que felicidade! 120 câmeras novas e nada de falarem em investimento em segurança nas estradas! catchinnn!

16 de fevereiro de 2011 11:45  
Anonymous Anônimo disse...

o DAS 11,45 - ACORDA, VÇ NÃO ENTENDEU NADA.......

16 de fevereiro de 2011 22:02  
Anonymous Anônimo disse...

Porque o empresario Vitor Marasca não Investe em Tapera ?Recentemente investiu em Selbach.Como empresario bem sucedido poderia invetir na sua cidade natal.

17 de fevereiro de 2011 12:36  
Anonymous Anônimo disse...

ao das 22:02, explica!

17 de fevereiro de 2011 13:27  
Anonymous Anônimo disse...

Pelas tragédias do Estado do Rio de Janeiro, comenta-se muito em "restringir" as "benesses" dos ruralistas, literalmente "torpedeando" o debate do "Novo Código Florestal" assim, aumentariam em muitos casos as "metragens" das APPs. Um novo e "melhor" olhar mais técnico e prudente afastaria ainda mais as "construções" de "Áreas Verdes", Encostas, margens dos rios...
Por outro ângulo, nota-se que os Promotores de Justiça aumentarão a fiscalização sobre os órgãos públicos pois, agem como co-responsáveis permitindo todo o tipo de construção em áreas "restritivas" por Lei.
Mas pela foto da Expo, "As raposas perdem o pêlo mas não perdem a manha".

17 de fevereiro de 2011 13:54  
Anonymous Anônimo disse...

Dois maiores empresários de Tapera investindo fora de Tapera. Isso é acreditar nso Taperenses.

17 de fevereiro de 2011 21:59  
Anonymous Anônimo disse...

O que O dinheiro Não faz, une até os adversários.

17 de fevereiro de 2011 22:01  
Anonymous Anônimo disse...

Estes comentaristas que falam que só investem fora de Tapera, se abram, apareçam, duvido, mas duvido muito que voçes tenham só cinco por cento investido em Tapera do que eles, qualquer um deles tem de investimento e empregos aqui. Conversadores e fora da realidade... E como se em Tapera tivesse condições de crescer nos ramos de atividades que atuam. Parabens emprendedores Vitor e Ireneu, Tapera se orgulha de voçes..

20 de fevereiro de 2011 19:32  

Postar um comentário

Voltar ao blog



Posts mais recentes Posts mais antigos

 
Google
 

?timos Posts

Asfaltamento da RS 332 será concluído
Os jogos do América no Estadual 2011
Marquinhos fora da Libertadores
Diferença salarial
Buracos estão retornando à RS 223
O governo Dilma
O Egito livre
Mais Curtume
Voto
PMDB

Arquivos

Agosto 2010 Setembro 2010 Outubro 2010 Novembro 2010 Dezembro 2010 Janeiro 2011 Fevereiro 2011 Março 2011 Abril 2011 Maio 2011 Junho 2011 Julho 2011 Agosto 2011 Setembro 2011 Outubro 2011 Novembro 2011 Dezembro 2011 Janeiro 2012 Fevereiro 2012 Março 2012 Abril 2012

 

 

 

WM INTERNET